TCE-PI apresenta Manual para elaboração do Plano de Logística Sustentável dos TCs

Uma equipe do Tribunal de Contas do Piauí apresentou o Manual para elaboração do Plano de Logística Sustentável – PLS dos Tribunais de Contas durante o  VII Congresso Internacional de Direito e Sustentabilidade, ocorrido nesta quinta-feira (30/11) no Tribunal de Contas do Estado do Ceará.

A conselheira Lilian Martins, enquanto membro do Conselho Fiscal do Instituto Rui Barbosa, coordenou o trabalho de produção de um modelo de Plano de Logística Sustentável dos Tribunais de Contas, com proposta de ações e planos a serem adotados pelos TCs com o objetivo de aprimorar práticas sustentáveis. Do Piauí, também se apresentaram os auditores de controle externo Lucine de Moura Batista e Hamifrancy Brito Menezes.

O manual contempla uma metodologia para elaboração de um PLS no âmbito dos Tribunais de Contas, norteando os responsáveis para a realização de diversas etapas, desde os preparativos iniciais, a elaboração propriamente dita do plano, abrangendo o diagnóstico da instituição, a definição de temas, objetivos, indicadores, metas, ações, prazos de execução e responsáveis, bem como sua execução, monitoramento e avaliação.

“As Cortes de Contas devem conciliar ações sustentáveis com ações que promovam o desenvolvimento, incorporando  definitivamente atividades efetivas em suas rotinas administrativas. É um desafio, mas é necessário”, declarou a coordenadora do Manual, conselheira Lílian Martins.

O VII Congresso Internacional de Direito e Sustentabilidade  tem como tema central trazer novos pensamentos e experiências, como forma de difundir, complementar e aprimorar o entendimento de estudiosos do Direito e da sustentabilidade, bem como da sociedade.

Durante dois dias palestrantes destacaram em suas apresentações mudanças e desafios que o Brasil precisa enfrentar para alinhar-se aos 17 objetivos de desenvolvimento sustentável estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) na Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.